domingo, 14 de novembro de 2010

18:31

O preço da distância ...

Tudo passa a ser muito caro quando a ausência está presente,
Contas de telefone, horas em frente ao computador relendo e-mail's.
Tudo é saudade ...
A falta daquele abraço em especial, aquele sorriso singular,
O colo a me ninar, indubitavelmente sofro por você não estar aqui.
Quero teu sossego de volta, teu beijo doce, quero você perto das minha mãos,
Estar em tua órbita, no teu continente, marcando a mesma hora no relógio central.
Quero teus conselhos de amigo, e ciúmes de namorado,
O que fomos um para o outro?
Ainda não sei ... Nunca saberei.
Mas quero você de volta !
Ao meu lado como amigo ou o que for ...
Volta?

0 comentários:

Postar um comentário